Tânatos perdeu.

Catrinas_2
By Tomas Castelazo

“Os homens vão bem até a hora em que começam a desejar demais, você pensa. Todo pouco dinheiro que você ganhava era suficiente para os sonhos. Parecia que, por você não querer nada, as coisas brotavam do asfalto das rodovias, vinham pelo ar e se lhe deitavam no colo. Até você começar a temer que a vida o devorasse, e então inventa isso de amar de forma burocrática as mulheres, uma atrás da outra, e todas como se fossem uma só, e ficar com elas pra sempre; e depois vai vendo que são de fato uma só, e aí já é tarde, porque você está atado aos impedimentos, e o oeste libertador e a vingança, a essa altura, já são letras mortas. Seu espírito insubmisso e criativo sucumbiu a uma cidade e seus achaques. Você sabe que perdeu, Tânatos perdeu”.

Dênisson Padilha Filho. Onde demora aquele fogo dos teus olhos?, In O herói está de folga (Kalango, 2014, contos).

Anúncios

2 comentários sobre “Tânatos perdeu.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s