Lançamento com Leitura Pública na UNEB de Itaberaba

Mesa: As cicatrizes dão literatura? | A reinvenção das dores na literatura contemporânea da Bahia. Como podem visitas ao passado, paixões, assuntos mal resolvidos, memória e traumas gerar dimensão narrativa e reconstrução da palavra? Sendo trauma o mesmo que ferida, o que dá literatura: as feridas ou as cicatrizes?  Esses e outros assuntos do fazer criativo literário serão … Mais Lançamento com Leitura Pública na UNEB de Itaberaba

Na Dália Negra tem. ‘Eram olhos enfeitados de Sol’ (Penalux, 2017, novela)

A Dália Negra, livraria virtual (e também camiseteria), já tem em seu acervo para venda o Eram olhos enfeitados de Sol (Penalux, 2017, novela). A Dália é, sem dúvida, a livraria virtual  que mais cresce no Brasil atualmente. A compra por lá é muito fácil e segura; seu ambiente é todo certificado, dispõe de várias opções … Mais Na Dália Negra tem. ‘Eram olhos enfeitados de Sol’ (Penalux, 2017, novela)

Lançamento na UNEB de Jacobina

Como podem visitas ao passado, paixões, assuntos mal resolvidos, memória e traumas gerar dimensão narrativa e reconstrução da palavra? Sendo trauma o mesmo que ferida, o que dá literatura: as feridas ou as cicatrizes?  Esses e outros assuntos do fazer criativo literário serão abordados nessa mesa, durante o XXI EBEL pelos escritores Gustavo Rios e Dênisson Padilha Filho, que, na ocasião fazem … Mais Lançamento na UNEB de Jacobina

Nem o balbucio atropelado entre seus lábios

Minha tia, mirrada na cadeira da enfermaria, agora sumia entre as contas do terço; eu sentia a beatitude do seu olhar me queimando a pele, bruxaria legitimada. Amo você, tia, mas nem o balbucio atropelado entre seus lábios murchos pode me salvar. Isso, no máximo, a mantém ocupada, mas não modifica as coisas. É interessante … Mais Nem o balbucio atropelado entre seus lábios

O real e sua contraface delirante em ‘Eram olhos enfeitados de sol’, de Dênisson Padilha Filho |Resenha de Alexandra Vieira de Almeida

Alexandra Vieira de Almeida, escritora e Doutora em Literatura Comparada (UERJ), escreveu sobre a novela Eram olhos enfeitados de sol (Penalux, 2017) uma resenha que foi publicada no portal Livre Opinião. Temos nessa narrativa magistral de Dênisson Padilha Filho a mistura entre o realístico e o poético. Temos também pequenos delírios e digressões em meio ao … Mais O real e sua contraface delirante em ‘Eram olhos enfeitados de sol’, de Dênisson Padilha Filho |Resenha de Alexandra Vieira de Almeida

Sonhei com o poder de um trem | Réquiem para Sam Shepard

Nunca tive coragem suficiente para resenhar nenhum de seus livros. Fui audacioso para falar da obra de autores tidos até como mais geniais que ele, como Roberto Arlt, John Fante ou Tchekhov, mas quando me chegava a ideia de resenhar algum volume de contos de Sam Shepard, a ideia se esvaía junto com a coragem. … Mais Sonhei com o poder de um trem | Réquiem para Sam Shepard

Agradecimentos

Quero agradecer a todos os leitores, à minha família e amigos que compareceram ao lançamento de  Eram olhos enfeitados de Sol (Editora Penalux, 2017, novela) no dia 19, última quarta-feira, e enfeitaram mais ainda o Lebowski Pub. Agradeço também à Editora Penalux e seus editores Wilson Gorj e Tonho França não só pela bela edição, mas pelo … Mais Agradecimentos