Sonhei com o poder de um trem | Réquiem para Sam Shepard

Nunca tive coragem suficiente para resenhar nenhum de seus livros. Fui audacioso para falar da obra de autores tidos até como mais geniais que ele, como Roberto Arlt, John Fante ou Tchekhov, mas quando me chegava a ideia de resenhar algum volume de contos de Sam Shepard, a ideia se esvaía junto com a coragem. … Mais Sonhei com o poder de um trem | Réquiem para Sam Shepard

Natal nos olhos

  Natal pra mim são os olhos de Ava Gardner. Aquela que, pro poeta francês Jean Cocteau, era “o animal mais belo do mundo”,  sempre foi, pra mim também, modelo de beleza. Quem me conhece sabe; ela já me inspirou, inclusive,  em alguns contos recentemente publicados. A discrição dos seus detalhes – exemplo de beleza sem … Mais Natal nos olhos