O real e sua contraface delirante em ‘Eram olhos enfeitados de sol’, de Dênisson Padilha Filho |Resenha de Alexandra Vieira de Almeida

Alexandra Vieira de Almeida, escritora e Doutora em Literatura Comparada (UERJ), escreveu sobre a novela Eram olhos enfeitados de sol (Penalux, 2017) uma resenha que foi publicada no portal Livre Opinião. Temos nessa narrativa magistral de Dênisson Padilha Filho a mistura entre o realístico e o poético. Temos também pequenos delírios e digressões em meio ao … Mais O real e sua contraface delirante em ‘Eram olhos enfeitados de sol’, de Dênisson Padilha Filho |Resenha de Alexandra Vieira de Almeida

Esqueça, filho.

“Em todo boteco há um pouco de carinho de mãe para com seus assíduos. Você senta no bar ou joga sua tonelada de dores no balcão e ele lhe põe uma dose como se dissesse, “esqueça, filho, amanhã as ruas estarão cheias de flores”. Não é impossível, mas é muito difícil encontrar um garçom simpático … Mais Esqueça, filho.

Estradas feitas para se perder | Por Sérgio Tavares

Este é o título da resenha de Sérgio Tavares sobre o Trilogia do asfalto (Editora P55, 2016, contos), meu livro mais recente. Para minha alegria, a resenha está na Diversos Afins, revista eletrônica de literatura: [..] Em “Trilogia do asfalto”, o baiano Dênisson Padilha Filho se arrisca na execução do mesmo procedimento, e se sai bem. Os … Mais Estradas feitas para se perder | Por Sérgio Tavares