Elomar

Elomar foi generoso com minha literatura. Fez dois textos de apresentação para mim. Para o Aboios Celestes (contos, 1999) e para o Carmina e os Vaqueiros do Pequi (romance, 2004). Para além disso, sempre tive com ele uma relação sincera, de aprendiz, ávido por saber mais. O tempo passou, as coisas da vida foram nos apartando um … Mais Elomar

Meliantes sentimentais

Dennis Lehane é conhecido por seus romances, sobretudo pelos adaptados pras telas; como é o caso do exitoso Sobre meninos e lobos. Em Coronado (Companhia das Letras, 2008), o leitor pode atestar aquela galeria de desordeiros de bairro e trambiqueiros  que caracterizam a obra do autor. Até aí, nada de mais, se os procedimentos narrativos … Mais Meliantes sentimentais

Jorge + 100

Começou ontem o Jorge + 100, evento literário que vai discutir a Literatura que se faz hoje na Bahia, tendo como referência o mais famoso dos escritores baianos: Jorge Amado. O Jorge + 100 é uma iniciativa patrocinada pelos Correios, com realização do Ministério da Cultura, apoio da Fundação Casa de Jorge Amado e organização da … Mais Jorge + 100

Silêncio

     Casal no sofá em casa, assistindo a um dos filmes de fronteira da coleção dele.       ― Sally Duas Árvores. ― Ela diz. ― Curioso o nome dela. Olha como ela olhou pra Ned. O olhar dela diz tudo. Garanto que ela consegue dizer tudo assim, com o olhar. Olha como ela olhou … Mais Silêncio

As feras, de Roberto Arlt.

Roberto Arlt é mais um escritor argentino admirável. Não que seja apenas mais um, mas porque tanto Argentina quanto Uruguai, vizinhos queridos, têm uma literatura do século XX repleta de grandes nomes. Citar autores argentinos e uruguaios que me são caros seria tarefa deliciosa, mas isso prolongaria a postagem. As feras (Iluminuras)  é um volume de contos … Mais As feras, de Roberto Arlt.